Santo Antônio – Faz. Guandu

 História da comunidade Santo Antônio – Faz. Guandu

sto antonio - fguanduSituada na localidade de Fazenda Guandu.
Em 1920, o coronel Francisco Tosta das Neves doou um terreno para a construção da capela e do cemitério ainda existente. A primeira missa foi celebrada pelo Pe Leduc.
com a morte do coronel, um dos herdeiros vendeu a parte de sua herança ao Sr. João Fernandes da Silva em 1936.
Até a década de 40, os antigos donos da fazenda e das localidades vizinhas se reuniam na capela no dia 15 de agosto para angariar dinheiro para tratar dos doentes.
Com a união do povo, a capela antiga  foi demolida e construída a nova igreja.
A festa de Santo Antônio começa em 13 de maio indo até 13 de junho. além dessa festa outras são celebradas cumprindo o ritual da igreja.
As famílias que mais ajudaram na igreja foram: Nilton Amador, Dolores Gomes, Juca Tosta, José Calisto e Luiz Belfi.
Em 1956 aconteceu a ampliação e reforma da igreja católica. Hoje ela é a segunda igreja em tamanho e decoração bíblicas no município, tornando-se um ponto atrativo para os seus moradores e visitantes. Para que a ampliação fosse realizada a comunidade contou com a ajuda das seguintes famílias: Tosta, Comarela, Vargas, Bravim, Pereira Lopes, Pereira da Silva, Pereira Santiago, andrade, Belfi, Ronch, Roncetti, Araújo, Vidal, Lima, Sarti, gomes, Oliveira, Portes, Marques, Barreto Costa, Coelho, Mattos, Garcia, Galvani, Stein, Souza, Zambom, Santiago da Silva, silveira, Martins, Ramos e outras …
Na década de 70 aconteceu a muragem da igreja com auxílio da comunidade.
 
VOCÊ SABIA?
Que também na década de 70 a comunidade jovem de Fazenda Guandu escandalizou (num bom sentido) a igreja por inserir nos cultos o instrumento de corda (violão) para animar as músicas religiosas?
Que Fazenda guandu teve o primeiro grupo de jovens do município de Afonso Cláudio denominado “JAG” (Juventude Atuante Guanduense)?
Que JAG foi representar Afonso Claudio no primeiro Encontro de Jovens da América do Sul, realizado no estádio da Desportiva ferroviária em Jardim América, requisitado pelo Pároco Paulo de Tarso?
Na década de 80 foi feita a atual canônica, onde funciona para reuniões, velar mortos e o Bio Energético (tratamento feito com plantas medicinais).
Ja na década de 90 houve muitas reformas, a do telhado, a construção do teto, a modificação da pintura, esta ultima foi realizada em 1996.
Felizmente, hoje, há muita participação, tanto da parte do leigo e do padre.